“Continuo buscando, re-procurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar e anunciar a novidade”.

Paulo Freire


segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Atividade Inicial: Alunos Visuais, Auditivos e Cinestésicos – Conheça e organize seus Alunos e Minimize as Dificuldades de Aprendizagem

 
va
Saber “como o aluno aprende” – facilita o trabalho do professor e se obtém melhores resultados.
Há três Estilos de Aprendizagem
1. APRENDIZAGEM VISUAL (imagem)
O Estilo Visual determina que o indivíduo, o seu aluno, necessita, para interpretar o mundo, processar o conhecimento, da imagem. Isso significa que as informações obtidas do meio ambiente ou de sua mente estão voltadas para dados sobre tamanho, proporção, cor, beleza, altura, profundidade, largura, detalhes... Uma pessoa visual é muito observadora no conjunto e nos detalhes. E é dessa forma que armazena as descobertas e relaciona conhecimentos adquiridos anteriormente com novos conhecimentos.
2. APRENDIZAGEM AUDITIVA (som e música)
Auditivo = é a forma sonora a mais predominante, mesmo que haja imagens. O auditivo consegue perceber com maior nitidez e facilidade dados vinculados ao som: volume, tonalidade, vocabulário, ruídos, discursos, conversas, discussões. Uma pessoa auditiva presta muita atenção naquilo que está sendo dito. Se o professor faz apresentação de um tema dos conteúdos usando recursos auditivos o aluno que tem este estilo de aprendizagem vai se concentrar e processar sua aprendizagem.
2-ESTILO DE APRENDIZAGEM CINESTÉSICA ou TÁTIL (movimento, leitura e tato).
Definido como o indivíduo que utiliza bastante a expressão corporal, as pessoas que apresentam esse perfil geralmente são inquietos, bisbilhoteiros e “destruidores” de brinquedos, pois buscam saber como ocorre o funcionamento desses. Interagem melhor através do contato manual e corporal, costumam ter gosto pela prática de esportes, dança, invenção e construção de algo. Esse estilo é o estilo daquele seu aluno que necessita que sua aula seja mais movimentada, que necessita muito do concreto. Se você levar para sua aula o som, a imagem e objetos que ele possa manusear, ligados ao tema que está sendo trabalhado, ele vai ter a maior facilidade em aprender.
Cada pessoa tem o seu Estilo de Aprendizagem. Quando estamos em algum curso, em uma aula, uma palestra, que escolhemos por estar no foco do nosso interesse, podemos nos situar em um destes estilos de aprendizagem facilmente a partir da ideia de que escolhemos estar neste curso ou palestra por ser um tema de maior importância e interesse, estamos supermotivado motivados e se não estivermos conseguindo ficar atentos, ouvindo, acompanhando, por maior que seja o nosso esforço: o estilo de ensinar não é o estilo que aprendemos. É fácil descobrir: o professor ou palestrante está usando algum recurso áudio visual? A entonação da sua voz é constante? Se continuarmos interessados na aula, mas não estamos conseguindo nos concentrar... O que está faltando? Essa resposta vai nos dizer qual é o nosso estilo de aprendizagem.
Se o educador consegue se perceber como aprende: “se aprende melhor através de imagens (visual), de exposições auditivas interpretativas (auditivo) ou através de imagens, exposições e exemplos concretos (sinestésico)”, vai perceber que na sua turma também há todos os estilos de aprendizagem. Basta observar, conhecer e organizar suas aulas de forma que todos os estilos sejam usados e assim que a maioria dos alunos vão aprender eliminando um grande número de “dificuldades de aprendizagem”.
Na próxima postagem veja as características de cada pessoa e seu estilo de aprendizagem, a posteriormente, um teste para ser aplicado na turma com o objetivo de saber “como seu aluno aprende” e assim fazer um planejamento que vai garantir o sucesso de suas ações pedagógicas.
Por: Julia Virginia de Moura – Pedagoga
Fonte de pesquisa:
Estilos de Aprendizagem
Marina da Silveira Rodrigues Almeida
Consultora em Educação Inclusiva
Psicóloga e Pedagoga especialista
Instituto Inclusão Brasil
inclusao.brasil@iron.com.br















3 comentários:

  1. Olá, como tenho acesso ao teste mencionado no texto acima? Não consigo achar o link que me leve a ele...
    Aguardo orientação.
    Obrigada!
    Kátia

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Kátia, já linkei o teste e coloco aqui também, está no blog Só Atividades para Sala de Aula ( meu blog, também) neste link

    http://soatividadesparasaladeaula.blogspot.com.br/2013/01/atividades-para-os-primeiros-dias-de.html

    Obrigada pela visita, sucesso nas suas ações pedagógicas.
    Abraços
    Julia

    ResponderExcluir

. Não seja apenas um visitante. Deixe seu comentário. Este é um espaço de intercâmbio de conhecimentos Entre educadores, e não apenas de divulgação de informações e conteúdos PARA educadores