“Continuo buscando, re-procurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar e anunciar a novidade”.

Paulo Freire


sábado, 5 de fevereiro de 2011

Linguagem Virtual – internetês – Atividades Significativas que podem mudar uma realidade na aprendizagem


        Na escola onde trabalhamos atualmente,apesar de ser uma escola pública muitos  alunos não terem acesso a internet, em casa, um grande número de crianças que frequentam as” Lan House”, perguntam se temos Orkut, e pedem para adiciona-las… não há uma precisão de quantos ou de idade, geralmente, são alunos de 3º ano, Turmas de Aceleração, acima de 10 anos? Os professores, com certeza, saberão. Hoje o interesse por games, chats, celulares, sites de relacionamentos, blogs, nesta era da informática é incontrolável, é melhor aderir e aproveitar o melhor que puder.

       Aqui tem uma sugestão para alunos que fazem uso da internet. Começamos com o Orkut, trabalhando o Perfil do Orkut na sala de aula. Este trabalho não deve ser visto como um incentivo as crianças estarem acessando internet em "Lan House", sabe-se dos risco que correm quando entram na internet sem a presença de um adulto para orientá-las. Este trabalho pode ser usado em sala de aula e levado depois ao laboratório de informática, se a escola possuir, ou o professor pode levar a internet para a sala de aula, com acesso permitido nos dias e locais pre estabelecendo regras e limites. Se criarem uma página, ou uma comunidade, há uma gama muito grande de atividades de escrita e leitura, em que podem ser escolhidos moderadores e estabecer suas funções, como por exemplo não aceitar postagens em  tópicos, com erros, mensagem que depreciam membros, estabecer temas com conteúdos pertinentes á finalidade da página e outros... E a questão dos valores que devem ser trabalhadas a cada momento do desenvolvimento do projeto, são preciosas e alcançarão os objetivos de forma mais precisa do que se tratados, como casos isolados:
 tais a falsidade ideológica, (leia mais no artigo http://www.planetaeducacao.com.br/portal/artigo.asp?artigo=1317) o risco de estabecer relacionamentos com pessoas desconhecidas, sites impróprios para crianças, uso indevido como o cyberbulying...  Regras e limites para tudo.

       Depois daquela conversa informal, sem que o professor assuma uma postura repressora quanto aos perigos de se usar a internet, o msm, o orkut ou o twitter,blogs…  pois esse momento vai surgir no curso do trabalho. Seja uma proposta (provocada pelo professor) sugerida pelos alunos, de um projeto, como criar uma Comunidade da Turma, da Escola.. as idéias vão surgir, assim que o tema for “casualmente” colocado. Não se esquecendo de investigar se essa atividade vai atingir toda a turma, sem exclusão.
Essa atividade consiste em preencher em sala, a página do perfil do orkut, listando antes, tudo que é preciso para criar este site de relacionamento, e quando iniciado aguardar e permitir  a linguagem que o aluno usa, ou vai usar em sala, a convencional ou a virtual (internautês), e aí entra a intervenção do professor, na ajuda do preenchimento correto,  e na transposição ( posteriormente, se necessário), para a escrita convencional.
    É uma sugestão,( idéias que podem gerar outras, de acordo com peculiaridade da turma, ou de um aluno, ou grupo de alunos) se o professor vai usar, deixar que a criatividade dos seus alunos e a sua própria de tudo que pode ser explorado, de acordo com as necessidades dos alunos. (se internet for uma prática dos seus aluno, não se esqueça!)

Para estar familiarizado com a linguagem da internet, há vários sites contendo os "dicionários do inernetês":
Linguagem também usadas nos sms de celulares.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

. Não seja apenas um visitante. Deixe seu comentário. Este é um espaço de intercâmbio de conhecimentos Entre educadores, e não apenas de divulgação de informações e conteúdos PARA educadores