“Continuo buscando, re-procurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar e anunciar a novidade”.

Paulo Freire


sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Inclusão numa Escola pública do Distrito Federal:. convivência com outras crianças, a aprendizagem e um professor compromissado !

 
Há pessoas que transformam o Sol, numa simples mancha amarela, mas há aqueles que fazem de uma simples mancha amarela, o próprio Sol” (Pablo Picasso)
 
 
 






Este vídeo realizado durante o evento de “Conscientização da Inclusão”"inclusão: convivência e aprendizagem" é uma pequena amostra do "know how" dos professores diante do conhecimento teórico aliado ás difíceis experiências em sala de aula, alianhadas aos vínculos da afetividade conquistados com os aluno com necessidades especiais.
Legendado, não poderia demonstrar a surpreendente capacidade destes professores, porém as imagens falam por si. São as imagens do hoje, e não as primeiras imagens da inclusão que mostravam professores totalmente desanimados diante de uma proposta nunca antes imaginada. Os educadores com longa experiência em Salas Especiais, Centros de Ensino Especial, APAEs e outras instituições similares, compreendem o ontem e o hoje destes professores, pelas simples imagens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

. Não seja apenas um visitante. Deixe seu comentário. Este é um espaço de intercâmbio de conhecimentos Entre educadores, e não apenas de divulgação de informações e conteúdos PARA educadores