“Continuo buscando, re-procurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar e anunciar a novidade”.

Paulo Freire


sábado, 22 de janeiro de 2011

Inicio do Ano Letivo - Novas Intervenções Pedagógicas para Velhos Problemas de Aprendizagem?





         Uma breve revisão teórica sobre a alfabetização, dificuldades de aprendizagem, caminhos percorridos, erros e acertos e uma realidade com velhos problemas acrescidos de mudanças de ordens diversas, é importante como ponto de partida para novas intervenções, com  ações pedagógicas que surgem da criatividade do educador, que tem por meta o sucesso do seu trabalho.
         Já algum tempo, a Escola tem se deparado com uma complexidade de fatores que surgem de situações conflituosas, próprias de uma modernidade que avança de forma acelerada, mudando comportamentos, estrutura sócio-afetivo-culturais dos educandos, para cujo enfrentamento se encontra despreparada.
       Desde os primeiros tempos que o grande problema da escola consiste no fracasso escolar, na alfabetização e na busca de novas metodologias, que foram se renovando e se adequando, não só no Brasil, mas em todo os países do mundo. E nunca um método de alfabetização foi totalmente perfeito e nunca será, pois trata-se de alfabetizar seres humanos em suas diversidades. Criticar o Sistema é necessário, no sentido de encontrar soluções que apresentem melhores resultados.
       A Psicologia de mãos dadas com a Pedagogia trouxe sua contribuição necessária e importantíssima quando se trata do conhecimento do desenvolvimento cognitivo, com seus fatores internos e externos determinantes do sucesso ou não do aluno,a importancia dos vículos afetivos, e da comprensão que os transtornos emocionais afetam a aprendizagem . A psicologia educacional,  presente nas escolas , quando vai  diagnosticar se orientar , é  um norte, em dúvida nenhuma, para todo educador.
       Rever as questões do fracasso escolar, em que alunos defasados, desinteressados, indisciplinados, com ou sem conflitos emocionais, resultando em  dificuldades de aprendizagem, evasões e o analfabetismo funcional assustadoramente crescente no Brasil, é o fundamento para novas intervenções. Tudo isso é problema do Sistema ? Pode ser, mas é problema também  da pedagogia, do educador, e mudanças só surgem quando o potencial intelectual de cada um dos  envolvidos no processo é colocado em ação.
        Através de bases teóricas coerentes o Impacto da Pedagogia Moderna se propõe a abrir   alternativas preventivas e  interventivas, em sala de aula, no enfrentamento dos velhos problemas com roupagens novas, como já foi feito  em outras postagens posteriores, mostrando  práticas bem sucedidas:  quanto á violência (bullying), sexualidade precoce, dificuldades de aprendizagem, desenvolvimento da psicomotricidade , o Programa de Educação Precoce de caráter preventivo, dentre outras, ilustradas por experiências vivenciadas.

       

Nenhum comentário:

Postar um comentário

. Não seja apenas um visitante. Deixe seu comentário. Este é um espaço de intercâmbio de conhecimentos Entre educadores, e não apenas de divulgação de informações e conteúdos PARA educadores