“Continuo buscando, re-procurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar e anunciar a novidade”.

Paulo Freire


segunda-feira, 15 de novembro de 2010

O PAPEL DA AVALIAÇÃO NA APRENDIZAGEM

3 comentários:

  1. A questão da avaliação é algo ainda muito subjetivo dentro da maioria das escolas. Nas reuniões pedagógicas fala-se de uma avaliação qualitativa, mas no dia-a-dia muitos professores utilizam métodos quantitativos que muitas vezes, ao meu ver, são injustos. Precisamos de uma escola "nova" e precisamos dela urgente!
    Excelente post.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com você, Cláudio, os professores tem dificuldades em realizar uma avaliação qualitativa, pode ser por insegurança quanto aos resultados, uma vez que somente o professor conhece o desempenho do seu aluno e não pode comprovar no ano seguinte, por exemplo, daí a preferência pelas "provas" que tem valor quantitativo. Na verdade é uma postura difícil de assumir quando o professor pensa, também, nele próprio como avaliador. È a questão da subjetividade.
    Obrigada pela visita e pelo comentário.
    Abraços
    Júlia

    ResponderExcluir

. Não seja apenas um visitante. Deixe seu comentário. Este é um espaço de intercâmbio de conhecimentos Entre educadores, e não apenas de divulgação de informações e conteúdos PARA educadores