“Continuo buscando, re-procurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar e anunciar a novidade”.

Paulo Freire


sábado, 9 de outubro de 2010

O QUE É O “STRESS” E SUAS CONSEQUÊNCIAS

STRESA palavra “stress” do inglês significa tensão. Simon L. Dólar, doutor em psicologia do trabalho, afirma que o “stress” se manifesta através de sintomas psicológicos somatáticos e comportamentais. Dentre os sintomas psicológicos estão ansiedade, irritabilidade, depressão, exaustão e esgotamento profissional. Os somáticos se expressam através de dores musculares, dermatites, disfunções gastro intestinais, pressão alta, enxaquecas, e outros. Os problemas comportamentais revelam-se por meio do tabagismo, alcoolismo,  dependência química, ganho ou perda de peso entre outros.

        O trabalho deveria ser fonte de realização de prazer, mas para o professor, principalmente das escolas públicas, tem se tornado causa de desajuste na saúde física, mental e psicológica, com danos, muitas vezes irreparáveis.

      Como não é somente o ambiente de trabalho , mas todas as exigências da vida moderna, e os vários papéis que o professor tem que desempenhar fora da escola, há como buscar alternativas contra o stress e não chegar a vivenciar, por exemplo a síndrome de Burnout (do inglês to burn out, queimar por completo), também chamada de síndrome do esgotamento profissional, foi assim denominada pelo psicanalista nova-iorquino, Freudenberger, após constatá-lá em si mesmo, no início dos anos 1970.

    Porém, há que se diversificar as atividades para contrabalançar os fatores estressores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

. Não seja apenas um visitante. Deixe seu comentário. Este é um espaço de intercâmbio de conhecimentos Entre educadores, e não apenas de divulgação de informações e conteúdos PARA educadores